Artigos Católicos - Loja Virtual

São Pedro Nolasco

Publicado em: , , , , ,

Sao_Pedro_NolascoDia 29 de Janeiro

História: Com São Raymond de Peñafort, São Pedro Nolasco fundou a Ordem dos Mercedarianos, uma comunidade religiosa que enviava resgate para os cristãos prisioneiros.

Após tomar parte nas cruzadas contra os hereges Albigensianos no sul da França, tornou-se o tutor do Rei James I de Aragon (1213-1276) e radicou-se em Barcelona.

Após uma visão (também experimentada por São Raymond de Peñhafort e pelo Rei James) Pedro decidiu fundar uma congregação religiosa dedicada a resgatar escravos cristãos dos mouros, passando a conhecer São Raymond de Peñhafort e em 1218 com o apoio de James I fundaram a Ordem dos Mercedarianos (em homenagem a Nossa Senhora das Mercês).

Com a aprovação da Ordem pelo bispo Benrengarius de Barcelona e mais tarde pelo Papa Gregório IX em 1235 passaram a enviar missionários da Nova ordem fundada para tentar resgatar a prisioneiros cristãos e pedir aos mais abastados, jóias, ouro e moedas para trocarem pelos presos e devotos.

Alem dos três votos necessários a um religioso os “mercedarianos” tinham ainda o quarto voto que era o de se trocar por um outro escravo preso, se fosse o caso. A não ser isto, as regras eram as mesmas da Ordem de Santo Agostinho.

Pedro ficou preso por uns tempos na Argélia para servir como prisioneiro em lugar de um outro cristão e durante sua jornada para Granada e Valência conseguiu libertar das prisões mouras cerca de 400 cristãos cativos. Aposentado-se em 1249 devido a sua saúde, foi substituído como Prior da Ordem por William de Bars.

Diz ainda a tradição que ele teria tido uma visão de São Pedro, o apóstolo crucificado de cabeça para baixo. Partiu para a eternidade murmurando o salmo “O Senhor remiu seu povo”. São Pedro Nolasco foi canonizado em 1628 pelo Papa Urbano VIII.

Na arte litúrgica São Pedro de Nolasco é apresentado como um velho homem com o habito branco do Mercedariano, com as armas de Aragão no peito, segurando um sino com a imagem da Virgem, o rei vendo um grande sino com a imagem da virgem, a Virgem dando a ele o escapulário, segurando uma corrente com vários escravos, sob a visão do céu dado a ele por um anjo e na visão de São Pedro crucificado de cabeça para baixo.

Oração: São Pedro Nolasco, concedei-nos tua coragem, tua força e teus talentos para que possamos socorrer os que sofrem opressão. Assim como destes tudo de vós para resgatar os cristãos dos cárceres, intercedei junto a Deus por nós, para sejamos libertos de todas as escravidões aos espíritos do mal, que desgraçadamentepor tantas vezes ainda servimos. Por Cristo Nosso Senhor. Amém.

Devoção: Proteção aos cristãos, combate às heresias

Padroeiro: Dos cristãos prisioneiros e perseguidos

Outros Santos: Gelásio II (papa); Valério, Sulpício Severo, Patamião, Constâncio (bispo); Papias, Sabérlio, Bebaia, Sêustio Mauro (mártires); Aquilino (presb); Raegundo (virgem); Cesáreo (diác).

|