São Manoel Ruiz

Dia 10 de julho

História: Foi um dos oito franciscanos trucidados pelos maometanos por resistirem até o fim, a renegar a Jesus Cristo.

Manuel, Carmelo, Emnngilberto, Nicanor Maria e Pedro, sacerdotes. João e Tiago eram irmãos leigos.

Eram sete espanhóis e um austríaco, embora os chamassem de “irmãos franceses”. Manuel Ruiz era o superior e antes de falecer havia feito a seguinte profissão de fé: ” Nós não temos senão uma alma. Perdida esta, tudo está perdido.

Somos cristãos e queremos morrer cristãos”. Os curdos assaltaram o convento em Damasco, o qual era muito conhecido. Lá se refugiaram três maratonitas cristãos que também foram martirizados.

Frei Manoel era conhecido como Frei Paciência e o trabalho que faziam chamavam a atenção quanto a prosperidade, dos muitos muçulmanos (os curdos) que lá viviam Teria sido mais terrível ainda, se o próprio Ab-el-Kader, muçulmano mas admirador da obra dos franciscanos não interviesse mas não foi atendido e além desses freis, morreram mais onze cristãos.

Obs. No livro das Edições Loyolas, (pág. 168) dia 10 é dia de São Cristóvão. Porém como em algumas cidades se comemoram-no no dia 25 você encontrará sua história anexada a um outro santo do mesmo dia: dia 25, finalizando com uma oração também dedicada a ele.

Oração de São Manoel Ruiz: São Manuel Ruiz, vós que destes a vida junto aos vossos companheiros, inocente e injustamente, por serdes cristãos, vós que chamastes atenção pelosa prosperidade do convento pelo incansável trabalho, vós que tanto rezastes pelas criaturas de Deus que não professavam a fé em Cristo, por eles fostes mortos cruelmente. São Manuel, filho da Espanha, e todos os que padeceram os cruéis tormentos dos infiéis, rogai por nós para que também prefiramos mil vezes perder nossa vida, do que nossa alma, que é o nosso maior tesouro e é uma só. Abençoai-nos e protegei-nos, guardai-nos dos pobres invejosos, ciumentos e das rivalidades, dando a eles a conversão. Por Cristo Nosso Senhor. Amém. (Regina Perina)

Devoção: Fidelidade a Cristo

Padroeiro: Dos viajantes e motoristas.

Outros Santos do dia: Amalberga (vg); Antonio, Apatil (márt.); Apolônio, Canuto (rei); Etão (bispo); Maximina (márt.); Pacário e Paterniano (bispo); Pedro (ab.); Rufina e Segunda(márts); Silvano e Ulrico, Getúlio, Margarida (virgem); Amália (viúva); Manuel Reis (márt.).

oracoes e santos